Buscar
  • marianafrancomague

6 versões de Lúcifer na cultura POP que são realmente Infernais

No Lista Aí de hoje vamos falar dele: O capetão, o diabo, belzebu, rei das mentiras, Lúcifer e suas várias versões na cultura POP, então cola na gente e bora lá.


O MUNDO SOMBRIO DE SABRINA


Vamos começar de baixo (literalmente), Lúcifer (Luke Cook ) aparece pela primeira vez no fim da primeira temporada de O Mundo Sombrio de Sabrina e teve um certo foco na parte três quando descobrimos que ele foi libertado devido a mais uma das atitudes impensadas de Sabrina (Kiernan Shipka) - Que surpresa!


O personagem em si tinha um grande potencial, mas como aconteceu com outros personagens da série, ele não foi muito bem trabalhado, basicamente ele ladra mas não morde, ele ameaça meio mundo, mas na hora H, não faz muita coisa (pelo menos é bonito).


CONSTANTINE


Ao contrario do diabão anterior, o ator Peter Stormare faz um Lúcifer bem mais intimidador e que de fato cumpre as ameaças, além de fazer jus aos seus acordos.


Apesar de ser bem assustador quando aparece, o personagem mais perturbador do longa acaba sendo outro anjo mensageiro chamado Gabriel (Tilda Swinton).


SUPERNATURAL


O personagem interpretado por Mark Pellegrino é o principal vilão de Supernatural, e assim como a maioria das adaptações do diabo, ele foi expulso do céu por Deus e agora esta fadado a ser rei do inferno.


Ele é libertado por Sam (Jared Padalecki ) quando Lilith (Katherine Boecher ) é morta, porque em Supernatural é assim, quando eles se livram de um problema, acabam criando outro maior ainda, pelo jeito a Sabrina ( Kieran Shipka ) não era novata nesse ramo. Esse Lúcifer tinha um jeito bastante irônico e debochado de ser, matar pra ele é tipo dar uma volta no parque. Puro deboche!


(DES)ENCANTO


Com um olhar beeeem diferente das versões anteriores, Lucy é o alivio cômico da série, enviado do inferno para trazer a princesa Bean para o lado sombrio da força.


Novamente com uma personalidade bem sarcástica e irônica ele acaba fazendo uma parceria bem legal com a princesa e o Elfo, dando destaque aqui pra dublagem hilária de Francisco Junior na versão BR da produção da Netflix.



LÚCIFER


O único dessa lista que tem a própria serie, aqui nosso diabão resolveu dar um tempo do inferno e veio morar na terra, mais especificamente em Los Angeles baby, o que ele não esperava, era que iria se apaixonar pela cidade e por uma humana.


Ao que me parece, ser irônico e debochado é algo padrão, pois esse Lúcifer bate todos os recordes nesse quesito pode ser um doce de pessoa, mas não pisa no calo dele amigo, você não vai querer ver a verdadeira forma dele, até porque o Tom Ellis é um colírio para os olhos, e com esse charme ele descobre exatamente o que você deseja, tipo um super poder mesmo.


CINDERELA

Tudo bem que esse Lúcifer não é a encarnação direta do mal na forma de um anjo do inferno (será?) mas com certeza faz jus ao nome. Na animação da Dona Disney esse gato serelepe toca terror na vida de Ciderela, dos ratinhos e quem ousar passar pelo seu caminho.


Mesmo não sendo o diabão em pessoa, ele é mal. O próprio cramunhão não teria coragem de sujar as patas de pó e esparramar por todo o piso que a princesa acabou de limpar. Quanta maldade!


E ai povo gostaram, a maioria das produções listadas estão disponíveis da Natflix, Prime Video e Disney Plus


Qual seu diabo preferido? Conta pra gente!


Essa matéria foi escrita em parceria com o ADM mais maravilhoso desse site, Luigi!

0 comentário