Buscar
  • @luigienricky

Análise | Como Vender Drogas Online (Rápido): TEMP3 - Não procure isso no Google!

A série da Netflix de dois nerds que resolvem abrir uma loja online para vender drogas no mundo todo e juntar dinheiro para pagar o tratamento de um deles está de volta! Pois é, essa é uma das introduções mais loucas que este que vos fala já escreveu para começar uma matéria, mas acreditem, isso nem chega aos pés da loucura que Como Vender Drogas Online (Rápido) é!

A festa de formatura cujo tema é "séries" será a maior chuva de referências da sua vida!

O caminho até aqui!


Da ultima vez que vimos Moritz e Lenny, eles estavam brigados pois Lenny havia descoberto que o amigo mentiu sobre estar sendo ameaçado pelas traficantes holandesas apenas para não precisar parar com o negócio online que caminhava maravilhosamente. Por achar Moritz um grande babaca (e com razão) ele se afasta de vez, o que o deixou ainda mais próximo de Dan e Kira.


Agora, decidido a tocar o negócio sozinho, Moritz passa a suspeitar que talvez não seja ele quem realmente manda na sua "empresa" já que tem cada vez menos decisões nos rumos que as negociações tomam. Decidido a impor o respeito que sua posição de CEO exige, ele se demite da organização após expor os segredos das chefonas na cara delas. Achando que arrasou no seu ataque de pelanca, ele se isola em casa esperando o momento que as duas fossem implorar pra ele voltar... Ai ai... Nerds brancos e sua autoconfiança...


A partir daí, o que era um blefe sobre ter sua vida ameaçada, passa a se tornar verdade, já que as duas holandesas decidem que Moritz é substituível, portanto dispensável. Para se vingar, o protagonista arma um super plano para que as duas sejam pegas em flagrante junto com seu fiel capanga e deixem o caminho livre para a venda de drogas.

Ninguém pode dizer que ele não tem coragem!

O desenvolvimento até aqui...


Entendo que Moritz seja o protagonista da série, portanto deve ter o maior tempo de tela, mas com a separação do núcleo por conta da briga do dois personagens, era de se imaginar que os coadjuvantes teriam mais chances de serem explorados, mas isso só acontece com a Fritz que nem é relevante pra história até o capítulo final e o pai de Moritz. Dan e Lenny também tem suas histórias pouco desenvolvidas e Kira, coitada, foi a mais abandonada pelo roteiro e perdeu completamente aquele balacobaco que tinha quando estreou na temporada passada. Várias pequenas histórias foram abertas mas nenhum foi encerrada de forma satisfatória.


Uma critica que fiz na temporada passada era que o ritmo da série era muito acelerado. Se você assistir no idioma original então (alemão) fica muito fácil de perder a piada, as referências ou mesmo falas importantes que dão andamento à história. Felizmente, isso foi corrigido aqui. Isso não quer dizer que a série não é mais frenética, pois é, mas parece que temos mais tempo de digerir os acontecimentos sem aquele desespero de entregar uma história fechada (sendo série da Netflix até da pra entender o desespero).

O grande plano da pá retrátil que parecia infalível para pegar as holandesas... SQN

Continua divertida!


Embora as mudanças tenham surgido no ritmo da série, o seu humor continua afiadíssimo. Sempre fazendo criticas sociais em alta dose de nerdice para os fãs mais geeks como nós. Em toda oportunidade que tem de surpreender com decisões inesperadas o roteiro o faz. A série tem feito tanto sucesso, que até o momento que esta matéria foi escrita, ela estava no TOP 10 da Netflix pela primeira vez.


A temporada 3 acaba de forma super divertida e interessante, mostrando que a inteligência de Moritz vai muito além do que o espectador julga possível e mesmo sabendo que as coisas que ele faz são completamente fora da realidade, somos induzidos a acreditar que é completamente plausível, pois o protagonista é uma pessoa tão normal que tudo o que ele faz se torna crível de alguma forma bizarra!

"Se alguém morre por dirigir um carro errado, a culpa é da Volkswagen?" - Moritz ao ser questionado sobre ser responsável por usuários de drogas morrerem!

Com um texto tão genial e o sucesso que a série tem feito, é bem provável que tenhamos uma quarta temporada para que todas as pontas soltas em relação aos coadjuvantes possam ser aparadas, porém, o final do protagonista foi mais do que satisfatório e mesmo que possa ser interpretado como um final aberto, por mim a história poderia ser encerrada ali, já que a única coisa que importa, inclusive pro roteiro, é como a trajetória de Moritz no tráfico irá acabar (ou não)!

Como vender Droga Online (Rápido) tem três temporadas completas na Netflix!

0 comentário