Buscar
  • @tonfabricio

Análise | O Halloween do Hubie - Um filme para o tiozão do pavê

Atualizado: 27 de out. de 2020

E lá vamos nós com mais um besteirol de Adam Sandler em parceria com a Netflix. Embora Como Se Fosse a Primeira Vez seja meu romance favorito, eu sempre sou relutante em assistir qualquer filme em que ele é o protagonista. Eu amo o ator, mas os filmes...

Os papéis de Adam são sempre mais do mesmo com um humor sem graça. Nesse Adam Sandlerverso, as versões brasileiras dele seriam o Didi e o Sérgio Malandro, com comédias para os "tiozões do pavê", aquelas que geralmente coram o nosso rosto de vergonha alheia.


Não entendo como as séries Anne with an E e The OA são "finalizadas", enquanto O Halloween do Hubie recebe investimento (COMO ISSO SAIU DO PAPEL?). Se vocês gostam de filme bom, não assistam. PORÉM, se vocês gostam de filmes ruins, também não assistam... Vejam um filme repetido ou vão tomar um sol no quintal, tá um dia lindo!


O Halloween do Hubie


A história é ̶b̶a̶b̶a̶c̶a̶ simples. Hubie (Adam Sandler - Jóias Brutas) é um homem inocente e caricato que anda pra cima e pra baixo com sua garrafinha térmica, com mil e uma funções. Nosso protagonista é um morador da cidade de Salem e é extremamente assustado com o Halloween.

Vítima de bullyings, quase todos na cidade o machucam, tiram sarro e o aterrorizam com qualquer coisa (nossa... que engraçado...). Os 90% do filme são as cenas de Hubie gritando em momentos de susto.

Embora seja odiado pela população, ele sempre quer ajudar, por isso acaba assumindo a responsabilidade de investigar um caso que ronda a cidade. Além disso, Hubie é apaixonado pela ex-colega de escola Violet Valentine (Julie Bowen - Modern Family), porém não consegue se declarar para a amada (já estão morrendo de rir? Poxa... Vocês são difíceis de agradar, hein?!).


Vale a pena ver?


Não... O Halloween do Hubie é um filme preguiçoso que parece eterno. Eu assisti já torcendo pelo fim. A história é sem sentido, os personagens rasos, os dramas jogados ao vento e tudo é mais do mesmo. Hubie é um personagem caricato que parece o cruzamento de alguns papéis de Sandler.

A produção não tem absolutamente nada de comédia, apenas o humor apelativo, mas nem nisso acertam.


É um filme tão ruim que nem a sessão da tarde mereçe esse pesadelo. O longa só não é péssimo porque é impossível superar o Trocando os Pés.


Se vocês ainda querem insistir e ver, boa sorte! Mas lembrem-se: eu avisei! Além disso, só não darei zero estrelas, pois seria antiético de minha parte. Então segue a nota:

Assistiram o filme?? O que acharam?? Qual filme do Adam Sandler vocês mais amam ou detestam?? Comentem!!

0 comentário