Buscar
  • Carolina Mezalira

Análise | O Tempo Que Te Dou: 1ª temporada – Mais clichê impossível!

Nos últimos anos podemos acompanhar na dona Netflix incríveis produções internacionais, como é o caso da aclamada série coreana Round 6, e agora acabou de ser lançada aquela história romântica clichê que deixa nossos corações quentinhos no seriado espanhol O Tempo Que Te Dou, que conta com um casal bem comercial de margarina e uma trama bobinha, mas com o objetivo de simplesmente preencher o tempo livre do público.

Mas do que se trama?


Na série, acompanhamos Lina (Nádia de Santiago) e Nico (Álvaro Cervantes), casal que está junto a nove anos e de uma hora para outra decide se separar, e definitivamente é nesse ponto que o primeiro ano se inicia.


O publico consegue entender por meio de flashbacks como cada um lida com o término, enquanto Lina ainda foca muito no passado, mas com o tempo ela consegue lidar com as consequências e assim enfrentar sua nova vida, já Nico tenta só olhar para frente e encontrar novos amores.


Semelhança com 500 dias com ela?

Os jovens dos anos 2000 devem se lembrar muito bem do longa 500 dias com ela, estrelado por Joseph Gordon-Levitt e Zooey Deschanel, nessa trama acompanhamos o personagem Tom se apaixonando perdidamente por sua colega de trabalho Summer e depois mostra como ele lida com o término, aqui vemos pela ótica masculina.


Já em O tempo que te dou vemos todas as questões do relacionamento parecidas com a do filme citado, só que pelo olhar feminino. A comparação das duas tramas fica fácil quando inverte o gênero.


Que elenco!!!

A atriz Nádia de Santiago consegue transmitir de forma magnifica para o público uma personagem psicologicamente afetada e ainda transitar entre quando ela está com seu marido e após o término, sem que fique confuso para os telespectadores. Já o ator Álvaro Cervantes, que interpreta seu par, também está de parabéns e vemos seu amadurecimento como pessoa no decorrer dos episódios.


Também acho interessante mencionar a direção fantástica do diretor Pablo Fernández, que consegue entregar uma narrativa dupla em toda a temporada, ou seja, assim conseguimos comparar a vida dos protagonistas nos dois períodos distintos da vida de ambos.


De fácil maratona


E por último, mas não menos importante, vale ressaltar que os capítulos tem 11 minutos de duração, dando para ver a qualquer momento em uma tacada só, ainda mais para os fãs do gênero romântico, vale a pena assistir com toda família.



Vocês já assistiram O Tempo que te Dou? Gostaram? Sigam o Fendageek nas redes sociais para ficarem por dentro das novidades!

0 comentário