Buscar
  • Carolina Mezalira

Análise | Pequenos Grandes Heróis - Filme em forma de nostalgia

Quem foi criança nos anos 2000, com certeza deve se lembrar de As Aventuras de Sharkboy e Lavagirl (2005) estrelando Taylor Lautner e Taylor Dooney como protagonistas. A análise de hoje se trata do mais novo lançamento da Dona Netflix, intitulado como Pequenos Grandes Heróis e ambientado no mesmo universo do filme de 2005, então meus caros nerds se liga no trailer e logo em seguida no que o achamos do filme:


O longa acompanha um grupo crianças super poderosas, incluindo Guppy (Vivien Lyra Blair - Bird Box), filha de Sharkboy e Lavagirl, e seu objetivo de resgatar seus pais de uma ameaça alienígena ao mesmo tempo que aprender a controlar seus poderes. Esse fator fica mais evidente na Missy (Yaya Gosselin - 13 Reasons Why) que apesar de ser filha de Marcus (Pedro Pascal - Mulher Maravilha 1984) o líder dos heroicos, ainda não demostrou nenhum sinal de seus poderes.


Mesmo com um elenco adulto de peso como é o caso de Pedro Pascal (Marcus Moreno), Christian Slater (Mr.Robot), Boyd Holbroock (Narcos) e Priyanka Chopra (Quântico), eles ficam em segundo plano, já que o foco do filme é a dinâmica entre as crianças e como elas aprendem a controlar seus poderes, além disso, elas precisam aprender a conviver com as diferenças.


O intérprete de Sharkboy no filme da Netflix não é Taylor Lautner, desta vez se trata de J.J. Dashnaw que só está lá de corpo cobrindo o rosto por uma marcara e não tem nenhuma fala, já a atriz da Lavagirl é a mesma do filme dos anos 2000 e ela possui pouquíssimas falas, outra vez os telespectadores podem ver que o foco é no elenco infantil.


É um longa com um humor bobo, por se tratar de um publico infantil e algumas vezes chega a irritar, porém não podemos deixar de mencionar que se trata de uma história que tem muita empatia e fala muito de trabalho em equipe, além disso, os protagonistas mirins são terrivelmente fofos e talentosos.


O diretor Robert Rodriguez consegue entregar um projeto completo e redondo, mesmo com baixo orçamento. Por se tratar de um filme de heróis, temos efeitos visuais por todos os lados, os efeitos são considerados ok por ser tratar de um longa destinado para as crianças.

A continuação já foi confirmada e podemos esperar mais aventuras dos filhos dos heroicos, desta vez sabendo controlar seus poderes. Pequenos Grandes Heróis, é um filme que traz uma nostalgia aos marmanjos que cresceram com os personagens Sharkboy e Lavagirl, porém o foco são nas crianças atuais. Mesmo assim é um filme para toda a família se divertir junto.


Você é fã das Aventuras de Sharkboy e Lavagirl? Curte e Comenta









0 comentário