Buscar
  • daianeohare

CCXP Worlds anuncia Artists’ Valley  com mais de 680 artistas

O Artists’ Alley , um dos locais mais frequentados e amados por quem participa da CCXP esse ano se torna Artists’ Valley e vai oferecer ao público duas experiências diferentes.


Os participantes do evento poderão navegar por 536 mesas virtuais e interagir com artistas de 11 países, será possível realizar suas compras ou acompanhar a programação do palco que vai reunir 146 quadrinistas de peso como Art Spiegelman, Jeff Lemire, Gerry Conway, Trina Robbins, Scott Snyder e Garth Ennis. Entre os conteúdos, estão entrevistas exclusivas que prometem grandes revelações, batalhas de desenhos e muito entretenimento para os fãs. Este ano, a credencial usada pelos artistas confirmados será uma homenagem aos 50 anos de carreira de Angeli. Em 2020, a CCXP acontece de forma totalmente virtual nos dias 4, 5 e 6 de dezembro. As mesas virtuais podem ser conferidas neste link.

A diversidade, uma das grandes marcas do festival, se reflete principalmente no Artists’ Valley. Com um número crescente de mulheres nas mesas a cada edição, este ano elas representam 36,4% dos selecionados (contra 33% na última edição) para o line-up, que traz ainda artistas que se identificam como transgêneros, travestis e não binários. A representatividade também se faz presente nos temas. Os quadrinhos com temática LGBTQIA+ são 4,3% dos trabalhos, enquanto os de super-heróis, por exemplo, são 5,1%. Quem passar pelo espaço poderá conferir também obras dos mais variados gêneros como ficção-científica, jornalismo, mangá, adaptação literária, erótico, terror e aventura, entre outros. As funcionalidades da plataforma da CCXP Worlds vão facilitar esta busca por conteúdo. Os artistas poderão taguear suas obras para que o público consiga selecionar, não só pelo nome do quadrinista, mas também por temas, personagens, gênero etc. A interatividade será outro ponto alto do Artists’ Valley. Cada artista terá uma página onde será possível conversar com o fã por chat e abrir a câmera para realizar sua própria live. A venda de materiais será possível por meio de uma vitrine disponibilizada na plataforma que se conecta à loja online de cada.

Já o palco do Artists’ Valley terá conteúdo exclusivo ao longo dos três dias de festival. Em uma variada programação de entretenimento e informação, o público poderá acompanhar desde demonstrações de técnicas de trabalho e entrevistas até quadros mais descontraídos - com quadrinistas mostrando seus animais de estimação, duelando entre si e falando sobre a primeira experiência na CCXP, entre muitos outros. O conteúdo do Artists’ Valley conta com artistas convidados e painéis das principais editoras do Brasil e do mundo. Fique coladinho na gente e confira nossa cobertura que será incrível!

0 comentário